Desafio de programação patrocinado pelo Sebrae incentiva profissionais a criar aplicativo para gestão em aquicultura

No contexto da 14ª Semana do peixe, o Sebrae, em parceria com a Embrapa, lançou Hackathon Aquitech, uma maratona de programação com foco na criação de um aplicativo para empreendedores da aquicultura que possa ajudar na gestão do negócio.

A maratona acontecerá de 19 a 28 de outubro na sede do Sebrae Piauí. Nessa primeira edição, serão selecionadas até 15 equipes, que contenham de 3 a 5 participantes. O desafio é destinado a universitários, programadores, empreendedores de startup e desenvolvedores profissionais.

As inscrições acontecem até o dia 15 de outubro e devem ser realizadas por aqui: www.sebrae.com.br/desafioaquitech. Para participar, o candidato deve preencher um formulário.

“Uma pesquisa recente do Sebrae mostrou que os pequenos produtores estão cada vez mais interessados no uso de novas tecnologias da informação para qualificar a gestão dos seus negócios”, explica Heloisa Meneses, diretora técnica do Sebrae.

Segundo ela, os pequenos produtores já perceberam que ferramentas como aplicativos e programas de gestão podem proporcionar um controle mais preciso e em tempo real de todas as variáveis que afetam o resultado final da empresa.

“A proposta é que o aplicativo que será desenvolvido possa permitir aos empreendedores da aquicultura uma melhor administração dos custos de produção, com foco na sustentabilidade e  no aumento  da produção, passando por diferentes etapas do manejo e da comercialização.”

Desafios e premiação do Hackathon Aquitech

Durante a semana de 19 a 25 de outubro, serão realizados webinars para apresentar aos concorrentes informações sobre o segmento econômico da aquicultura, com foco em gestão. Nesse período, será disponibilizada às equipes participantes uma série de conteúdos técnicos e de gerenciamento, para que possam dar início ao desenvolvimento do aplicativo.

Ainda nessa etapa, cada equipe contará com a mentoria individualizada de um especialista nesse segmento produtivo. Os atendimentos acontecerão a distância, via Skype, e-mail e outras ferramentas, em horários a serem combinados entre a equipe e seu mentor.

Nos dias 27 e 28 de outubro, acontece a etapa presencial e, ao final, a Banca de Jurados, quando serão conhecidos os vencedores.

As equipes terão a oportunidade de interagir com diversos especialistas durante esses dois dias. O objetivo dessa etapa é buscar soluções inovadoras, para que se possam fazer ajustes finos antes da apresentação à banca. A ideia mais bem construída e pontuada, de acordo com os juízes, será a vencedora.

A proposta classificada em 1º lugar receberá, como premiação, consultorias técnicas especializadas para o aprimoramento do aplicativo e desenvolvimento do negócio, a partir de novembro de 2017. Essa etapa terá a duração de seis meses, tendo como produto final o aplicativo pronto para uso. Além disso, as três equipes com melhor colocação participarão (com até dois integrantes) da Campus Party SP e de um encontro com potenciais investidores.

 A Semana do Peixe tem patrocínio e apoio das seguintes empresas e instituições:
Patrocinadoras – Abipesca; Alaska Seafood; CNA; CONEPE; Dempi; Geneseas/Dell Mare; ABRAPES; Conselho Norueguês da Pesca; Opergel; PeixeBR, Nordsee, Frescatto; São Rafael Câmaras Frigoríficas; Copacol, Kanemar; Gomes da Costa; Coqueiro/Pescador; Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de SP; SENAR e Sipesp. Apoio Institucional – Abrasel; Abras; Associação Nacional de Ecologia e Pesca Esportiva; Federação de Pesca Esportiva de SP; Associação Nacional de Ecologia e Pesca Esportiva; Ceagesp; Fiesp; Sebrae; Embrapa; Instituto da Pesca e Secretaria de Aquicultura e Pesca/MDIC.

[Crédito imagem: Viktor Hanacek/Freepik]